A história de Pâmela Ponce

Empreender não começou na minha fase adulta e sim quando pequena. Minha primeira ação empreendedora foi aos meus 3 anos e aos 12 fiz minha negociação oficial com meu pai .

Com 16, montei uma equipe com 3 revendedoras: errei, acertei e chegou num momento que ou investia ou parava. E aí pensei, será que quero entrar nesse mercado? Nesta época estava fazendo o vestibular para faculdade e estava cheia de dúvidas e com decisões importantes: “Qual sua profissão para o resto da vida? Que setor você vai trabalhar para o resto da vida?”. Quando fiz 18 meus pais me pressionaram para decidir com qual deles eu iria trabalhar. Eu com muito aperto no coração e com um pouco de culpa escolhi ir para o mercado e abrir meus horizontes.

Disso veio premiações, destaques, cargos de liderança e depois de 4 anos abri um negócio, não deu certo! Abri outro, deu super certo até que meus maiores fornecedores saíram do país e de uma hora para outra não tinha mais o produto. Nesse período, meu marido queria empreender e abracei o sonho dele em outro estado.

Alugamos uma casinha (que a dona rescindiu o contrato ). Sabe o que aconteceu? Faltavam uns 10/12 dias para terminar a reforma do local comercial e fomos morar lá . Dormimos entre os andaimes, entulho, tinta, gesso e tudo que uma obra tem direito. Como a cama era um colchonete e a cidade um forno a friagem do chão ajudava a deixar mais fresco o lugar pq não tinha ar condicionado.

Depois de 2 anos alguns projetos começaram a serem fechados em Campinas e eu ficava na ponte área. Foi quando decidimos aumentar os projetos e voltar para Campinas.

Com 5 anos de empresa eu comecei a me incomodar e isso um vazio sem tamanho)

Foi aí que a marca @iaprendi nasceu sem muito planejamento e estratégia (algo enlouquecedor para mim ??) Hoje somos referência no mercado e estamos ampliando para atender a nível nacional. Também fui reconhecida pelo programa café Empreendedor da radio Brasil como empresária influenciadora da RMC. Sou mentora dos programa de startup do Founder Institute e do Sebrae.
Você não é o negócio ou a profissão. Eles fazem parte do seu momento e se precisar fechar, mudar ou pivotar faça sem medo de ser feliz. ?

05/11/2018

0 responses on "A história de Pâmela Ponce"

    Leave a Message

    Desenvolvido por IAPRENDI®. Todos os direitos reservados.
    WhatsApp chat
    X